jusbrasil.com.br
15 de Agosto de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça de Minas Gerais TJ-MG - Apelação Cível: AC XXXXX20059412001 MG

Tribunal de Justiça de Minas Gerais
há 4 anos

Detalhes da Jurisprudência

Processo

Publicação

Julgamento

Relator

Domingos Coelho
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

EMENTA: APELAÇÃO CÍVEL - AÇÃO DE INDENIZAÇÃO - ACIDENTE DE TRÂNSITO - CULPA VERIFICADA - MORTE DE FILHA - DANO MORAL PURO - CONFIGURADO - QUANTUM INDENIZATÓRIO - ARBITRAMENTO - PROPORCIONALIDADE E RAZOABILIDADE.

- A jurisprudência do STJ consolidou-se no sentido de que o proprietário do veículo responde objetiva e solidariamente pelos danos decorrentes de acidente de trânsito causado por culpa do condutor - A conduta do motorista que invade o canteiro central da via vindo a provocar a morte de passageiro, deve ser reconhecida como causa determinante para a ocorrência do acidente - Se os autores perderam a filha em decorrência de acidente de trânsito, inquestionável a existência de danos morais, cuja indenização deve ser arbitrada com razoabilidade e proporcionalidade, observados os parâmetros deste Tribunal.
Disponível em: https://tj-mg.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/648747632/apelacao-civel-ac-10351120059412001-mg

Informações relacionadas

Ana Carolina Vieira , Advogado
Modeloshá 8 meses

Ação de Indenização por danos morais - Acidente de trânsito

Tribunal de Justiça de Santa Catarina
Jurisprudênciahá 11 meses

Tribunal de Justiça de Santa Catarina TJ-SC - Apelação: APL XXXXX-08.2012.8.24.0125 Tribunal de Justiça de Santa Catarina XXXXX-08.2012.8.24.0125

Tribunal de Justiça de Minas Gerais
Jurisprudênciahá 8 anos

Tribunal de Justiça de Minas Gerais TJ-MG - Apelação Cível: AC XXXXX-65.2012.8.13.0016 Alfenas

Tribunal de Justiça de Minas Gerais
Jurisprudênciahá 2 anos

Tribunal de Justiça de Minas Gerais TJ-MG - Apelação Cível: AC XXXXX60017401001 MG

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 4 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - AGRAVO INTERNO NO RECURSO ESPECIAL: AgInt no REsp XXXXX PR 2016/XXXXX-7