jusbrasil.com.br
17 de Agosto de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça de Minas Gerais TJ-MG - Apelação Cível: AC XXXXX20106750001 MG

Tribunal de Justiça de Minas Gerais
há 6 anos

Detalhes da Jurisprudência

Processo

Publicação

Julgamento

Relator

Otávio Portes
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

EMENTA: AÇÃO DE INDENIZAÇÃO POR DANOS MATERIAIS - FURTO DE VEÍCULO LOCADO - NÃO OCORRÊNCIA DE CASO FORTUITO - NEGLIGÊNCIA POR PARTE DA LOCATÁRIA - OBRIGAÇÃO DE INDENIZAR - JUROS MORATÓRIOS - TERMO INICIAL.

Configurados o dano, a negligência da locatária e o nexo causal, que não foi afastado por caso fortuito ou ato exclusivo de terceiro, deve a ré ser condenada ao pagamento da indenização relativa ao valor do caminhão furtado. Quanto aos juros moratórios, por versar a demanda sobre responsabilidade contratual, deverão incidir no percentual de 1% ao mês, a partir da citação válida da requerida.
Disponível em: https://tj-mg.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/863644852/apelacao-civel-ac-10261120106750001-mg

Informações relacionadas

Tribunal de Justiça de Minas Gerais
Jurisprudênciahá 4 anos

Tribunal de Justiça de Minas Gerais TJ-MG - Apelação Cível: AC XXXXX40614579001 MG

Escola Brasileira de Direito, Professor
Artigoshá 5 anos

Obrigações alternativas, cumulativas e facultativas

Tribunal de Justiça do Paraná
Jurisprudênciahá 4 anos

Tribunal de Justiça do Paraná TJ-PR - PROCESSO CÍVEL E DO TRABALHO - Recursos - Recurso Inominado: RI XXXXX-13.2017.8.16.0182 PR XXXXX-13.2017.8.16.0182 (Acórdão)

Henrique Maia, Advogado
Artigoshá 7 anos

Responsabilidade Civil - Excludentes

Tribunal de Justiça de Minas Gerais
Jurisprudênciahá 2 anos

Tribunal de Justiça de Minas Gerais TJ-MG - Agravo de Instrumento-Cv: AI XXXXX-62.2020.8.13.0000 MG