jusbrasil.com.br
18 de Maio de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça de Minas Gerais TJ-MG - Apelação Cível: AC 10118170023121001 MG

Tribunal de Justiça de Minas Gerais
há 2 anos
Detalhes da Jurisprudência
Processo
AC 10118170023121001 MG
Publicação
19/06/2020
Julgamento
9 de Junho de 2020
Relator
Audebert Delage
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

EMENTA: APELAÇÃO - AÇÃO DE COBRANÇA - 13º SALÁRIO E FÉRIAS - AGENTE POLÍTICO - VEREADOR - PREVISÃO EM LEI MUNICIPAL NÃO DEMONSTRADA - SENTENÇA REFORMADA.

1. O STF, quando do julgamento do RE 650.898/RS, em sede de Repercussão Geral, consagrou a tese da possibilidade de concessão de gratificação natalina e terço constitucional a detentor de mandato eletivo remunerado por subsídio.
2. Para sua concessão, contudo, é necessária expressa previsão na lei do Município, ônus da prova do autor.
3. Não se desincumbindo de comprovar a previsão na legislação municipal deve ser decretada a improcedência do pedido.
Disponível em: https://tj-mg.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/865975877/apelacao-civel-ac-10118170023121001-mg

Informações relacionadas

Tribunal de Justiça de Goiás
Jurisprudênciahá 2 anos

Tribunal de Justiça de Goiás TJ-GO - Apelação / Reexame Necessário: 0506413-49.2017.8.09.0167

Tribunal de Justiça de Minas Gerais TJ-MG - Apelação Cível: AC 10118170023121001 MG

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul
Jurisprudênciahá 2 anos

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - "Recurso Cível": 71008588329 RS